CAN2019: Angola empata com a Tunísia mas poderia ter vencido


Com jogadas bem articuladas, a partir da defesa, meio campo e ataque, sobretudo na segunda parte, a selecção nacional quase surpreendia a favorita Tunísia ao empatar a um golo, no jogo que marcou a estreia de ambas no Campeonato Africano das Nações, que decorre no Egipto.

CAN2019: Angola empata com a Tunísia mas poderia ter vencido

Angola nunca foi inferior à Tunísia, que chegou ao golo aos 34 minutos num lance de contra-ataque que apanhou a defesa angolana desequilibrada, com o lateral-esquerdo Paizo a efetuar uma falta imprudente sobre Sliti, que deu origem ao penálti executado com sucesso por Msakni.

: ZAP BOX HD A 9.500 AKZ + OFERTA  do pacote TÁ FÁCIL MAX 7

A primeira parte caracterizou-se pelo equilíbrio e pela supremacia das defesas sobre os ataques adversários e a diferença no resultado esteve na maior eficácia tunisina, visto que Angola desperdiçou uma oportunidade soberana, aos 21 minutos, por Wilson Eduardo, mas o remate do jogador do Sporting de Braga saiu a rasar o poste direito da baliza tunisina.

Na segunda parte, o selecionador angolano, o sérvio Srdjan Vasiljevic, operou duas alterações de uma assentada, com as entradas de Geraldo e do sportinguista Gelson Dala, que deram maior projeção e acutilância ao ataque, perante uma Tunísia muito mais contida e calculista, a procurar defender bem e surpreender o adversário em contra-ataques.

O médio ala a actuar no Al Ahly esteve em evidência com vários passes de classe e cruzamentos perigosos, mostrando que está em forma e que o treinador poderá contar com ele para qualquer situação.

Quando todas as atenções estavam viradas para Gelson Dala, que sofria uma marcação cerrada, surge Fredy que varre todo corredor esquerdo, passa para Mateus Galiano que cruza para Djalma Campos empatar a partida, aos 72 minutos.

Os angolanos praticamente dominaram toda segunda parte, mas por pouco pecavam nos minutos finais, ao deixarem um avançado sozinho, só travado por Toni Cabaça, que defendeu a bola após remate.


Gostou? Partilhe com os teus amigos!

0 Comentário

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *