Homem mais alto do Huambo pede apoio urgente

3
Huambo

Henrique Socumbe, 29 anos, residente no bairro Calundo, arredores da cidade, é considerado um o homem mais alto da província do Huambo, precisa de apoio urgente, revela o jornal de Angola.

Homem mais alto do Huambo Huambo

Foto: Francisco Lopes

Padece, há um mês, de infecção da pele, tem os pés inflamados e está a perder a visão. Apesar de ter ido a uma consulta no Hospital Municipal do Huambo, continua a sentir-se mal e não tem recursos para prosseguir o tratamento. “Já não consigo comprar os medicamentos receitados. Por isso peço ajuda”. Para sobreviver, Socumbe dedica-se ao cultivo de hortícolas próximo de casa e faz moto-táxi quando pode, com uma moto de três rodas adquirida pela sua mãe para apoiar a família. Ainda assim, Henriques, o terceiro dos irmãos, é esteio dos irmãos mais novos.

Socumbe já pratica desporto e tem dificuldade em passear pelas ruas para evitar pessoas que o incomodem. Sente-se inferiorizado pela sua deformação fisionómica.

Aos 29 anos, nunca pensou ter uma companheira, nem sequer namorada. Natural da Catata, no município da Cáala, Henrique é órfão de pai, vive com a mãe, não tem sapatos que lhe servem, usa sandálias de borracha encomendadas por ele e a roupa que usa é feita por encomenda.

Estudou até à 5ª classe e promete voltar à escola no próximo ano lectivo, caso as condições lhe permitirem. Aos 16 anos, Henrique Socumbe praticou basquetebol, sua modalidade favorita, mas teve de abandonar devido à altura e à falta de apoio e condições.

Partilhe.

Sobre o Autor

3 Comentários

Deixe a sua opinião